11.9.07



(caneta sobre papel, setembro 2007)

tenho cinco pontos fortes a meu favor
a mulher enumera estendendo a mão
sussurrando

(crescem no meu colo crianças de amor desgarrado e desinquieto
mantenho limpa uma sala que é quarto que é leito que é corpo o teu e o meu
que é ventre que é mesa na casa mansa onde não há portas fechadas
onde danço descalça sobre vidros, reflexos e penas
o olhar a pele os seios as mãos o sexo ávidos da tua presença)

cinco pontos fortes
os pés feridos, a cintura amarrada
a ânsia desesperada o olhar desmedido
a liberdade desamparada
e todos os dias morro mais uma vez só
definho sob a tua influência

(it’s a wonderful life)

11 comentários:

blue disse...

A Woman Under the Influence, um filme de john cassavetes (1974)

Scarlata disse...

Fogo, que lindo!

maria disse...

gosto muito.

cm disse...

cinco como...cinco dedos e mais uma caneta e pincel...

um abraço

Natália Nunes disse...

Como eu gosto dos seus desenhos!
Esse segundo me lembrou muito os retratos da Clarice Lispector.
:)

Nossa, que texto maravilhoso, Cláudia!!
Li mais de uma vez - e me senti emocionar. Por que? Acho que não é coisa que eu deva saber, acho que só devo sentir.

Beijo!

Chicapardoca disse...

Blue, o poema é muito bom, mas se foi inspirado na Gena Rowlands é perfeito. Valeu a pena ver o filme, então.

blue disse...

chicapardoca:
o filme é magnífico, lady rowlands é inesquecível nesse papel de uma mulher que definha por tanto mas tão pouco amor.
(ainda bem que achas que consegui)

:)

trutasalmonada disse...

não sei como 'palavrear' o que na minha cabeça está a 'martelar', só consigo dizer que rever este filme surte em mim um efeito de uma longa peça de vestuário que se me cola ao corpo todo, sem restar um pedacinho mínimo que seja, transformando-me numa pessoa aprisionada na essência de ser, na essência de ser e na essência de ser
sufoco, angustio, contorço-me, esbracejo e continuo com este peça de vestuário como um segunda pele sobre um primeira pele ensanguentada

ff

isabel victor disse...

"a ânsia desesperada o olhar desmedido (...)"


Tu !

Gosto tanto destes desenhos ...

b*

hora tardia disse...

e eu só tenho um ponto. meio final.

no entretanto deixo uma virgula.
quem sabe o dia recomeça.



beijo Blue.

Anónimo disse...

eu é que Te agradeço Blue...

:)))))))))

beijos.



imf.

Arquivo do blogue

 
Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.